a a a
>> voltar
 
 

AVISO DE PAUTA - 1º DE OUTUBRO – DIA INTERNACIONAL DO IDOSO. EDIÇÕES SESC SP REGISTRAM, EM QUATRO PUBLICAÇÕES, 45 ANOS DE TRABALHO PIONEIRO DA INSTITUIÇÃO JUNTO AOS IDOSOS

Livros das Edições Sesc SP revelam a busca da instituição por soluções inovadoras

voltadas ao problema do isolamento do idoso- apontado pelas pesquisas e especialistas

como uma das principais questões ligadas à esta faixa etária.

A inexistência de uma política de governo para o idoso, as baixas aposentadorias, o desamparo dos familiares, as dificuldades de acesso a atividades culturais e de lazer foram alguns dos fatores que levaram o SESC, na década de 60, a iniciar um trabalho social pioneiro que criou oportunidade para os idosos ocuparem seu tempo livre e ampliarem suas relações sociais.

Nesse sentido, as Edições SESC SP - publicações pensadas e construídas a partir de projetos de largo alcance e com envolvimento de instituições governamentais, ONGs e editoras – registra este trabalho por meio dos títulos que reuniram, em livro, iniciativas relevantes realizadas no âmbito do SESC ao longo de 45 anos. São eles: Idosos no Brasil: vivências, desafios e expectativas na Terceira Idade (vários autores - SESC Nacional/Sesc São Paulo/Fundação Perseu Abramo); O Século da Terceira Idade (SESC SP); Velhices - Reflexões Contemporâneas (Vários autores – SESC/PUC-SP) Co-Educações entre gerações (José Carlos Ferrigno/SESC SP).



O estudo inédito Idosos no Brasil: vivências, desafios e expectativas na Terceira Idade, por exemplo, analisa o fato de que 93% desta população, cerca de 15 milhões (dados 2006) tem como principal lazer assistir TV. Esta ampla pesquisa sobre o tema - realizada em parceria entre a Fundação Perseu Abramo (FPA) e o Serviço Social do Comércio (SESC Nacional e SESC São Paulo) –, trata de relevantes questões relacionadas à socialização e às dificuldades de acesso a atividades culturais e de lazer – fatores que levaram o SESC a ser o precursor ao formar os Grupos de Convivência e as Escolas da Terceira Idade, desenvolvendo oportunidades para que os idosos ocupem seu tempo livre de forma mais instruída.



Esse e outros dados trazem à tona uma reflexão sobre o isolamento entre as gerações e as segregações no seio de uma sociedade contemporânea (abordagem intergeracional). O livro Co-educação entre gerações – tese do psicólogo José Carlos Ferrigno, da Gerência de Estudos e Programas da Terceira Idade do SESC SP e editor do periódico A Terceira Idade do SESC SP – parte da premissa da igualdade de direitos e respeito às diferenças. A publicação traz uma análise do processo intergeracional, observado a partir da vivência de jovens professores e seus alunos das Escolas Abertas da Terceira Idade do SESC SP.

“Como resultado de uma pesquisa feita junto aos freqüentadores do SESC, verificou-se que as atividades intergeracionais propiciam uma rica troca de experiências, beneficiando tanto os mais velhos, quanto os mais jovens. Idosos, adultos jovens, adolescentes, crianças, se mesclam em oficinas de música, teatro, artes plásticas. Juntos constroem um produto coletivo e também relações de amizade e de conhecimento. Os mais velhos transmitem aos moços nossa herança cultural, os jovens, por sua vez, lhes transmitem novos valores e novas tecnologias que ajudam o idoso a adaptarem-se a uma sociedade de aceleradas mudanças”, comenta Ferrigno.

A integração do idoso às demais gerações é uma das principais finalidades da programação pontual e permanente do SESC SP voltada a esse público. Neste ano, como parte das comemorações do Dia Internacional do Idoso - 1° de outubro - o SESC SP elabora ações coletivas que acontecem entre 25 de setembro a 4 de outubro, em São Paulo (ver programação anexada). Além disso, em seus 45 anos de funcionamento, o Trabalho Social com Idosos do SESC/SP, mantém uma programação permanente que incentiva a convivência grupal, o aprendizado e a reciclagem cultural. O programa SESC Gerações, criado em 2003, por exemplo, visa promover a interação, a proximidade e a educação entre as pessoas de idades distintas. “Verifica-se que as atividades intergeracionais propiciam uma rica troca de experiências, beneficiando tanto os mais velhos, quanto os mais jovens”, explica Ferrigno.



A publicação O Século da Terceira Idade, com fotos que ilustram as inúmeras atividades promovidas pelo SESC para a terceira idade, documenta os 40 anos do SESC em seu trabalho social com idoso e aponta as perspectivas e previsões para essa população, que, segundo a ONU (Organizações das Nações Unidas), deve alcançar a casa dos dois bilhões (algo em torno de 19%) da população mundial. O livro aborda temas atuais e importantes sobre o lugar do idoso na sociedade. “Há mais de 40 anos, a entidade percebeu a importância de implementar ações nessa áreas e, hoje, quando a sociedade se confronta com questões difíceis sobre a realidade dos idosos no Brasil, o SESC já apresenta muitas respostas e iniciativa”, comenta o presidente do Conselho Regional do SESC no Estado de São Paulo, Abrahm Szajman.



Velhices - Reflexões Contemporâneas é uma publicação comemorativa dos 60 anos do SESC e da PUC-SP e uma homenagem ao trabalho desenvolvido pelas duas instituições em favor do idoso e à contribuição de ambas aos estudos da gerontologia – um campo de estudo que investiga os fenômenos relacionados com o envelhecimento do ser humano. “O ano de 1996 foi histórico para a consolidação da parceria na área do envelhecimento entre o SESC e a PUC/SP. Neste mesmo ano, as duas instituições promoveram o seminário O Brasil e os Idosos: diagnósticos e perspectivas, no qual importantes estudiosos da gerontologia produziram férteis reflexões sobre o atendimento ao idoso em nosso país”, comenta o diretor Regional do SESC São Paulo, Danilo Santos de Miranda. Assim, o SESC - contribui e colabora para o efeito de uma sociedade brasileira de interesses e responsabilidades mútuos e inclusiva para todas as gerações.



* Agendamento com as fontes/autores e livros podem ser feitos por meio do tels.: 55 11 3673 7270 (Litera – Construindo Diálogos).





SINOPSE DOS LIVROS






Idosos no Brasil-Vivências, desafios e expectativas na Terceira Idade – Vários autores

A obra cria um quadro sobre a realidade e as expectativas da população idosa no Brasil, que em alguns anos representará um quinto da população do país. Discorrem sobre temas como o Estatuto do Idoso, políticas públicas para a velhice, suas redes de relações sociais, a produtividade e a renda, a imagem e auto-imagem, entre outros, em textos produzidos por profissionais de diversas áreas comprometidos com a compreensão dos fenômenos da velhice e do envelhecimento. Fundação Perseu Abramo.



Serviço:

Edições SESCSP / Editora Fundação Perseu Abramo

2007, 287 p.

ISBN 978-85-98112-49-7

formato: 17 cm x 24 cm

Distribuição: em todas as unidades SESC SP (capital e interior)

Vendas também pelo portal www.sescsp.org.br/loja

Preço sugerido de capa: R$ 35,00




Co-Educações entre gerações - José Ferrigno

Análise do processo intergeracional observado a partir da vivência de jovens professores e seus alunos das Escolas Abertas da Terceira Idade do SESC SP. Co-educação entre gerações mostra como o lazer e as trocas de experiências podem reduzir a segregação e o preconceito entre pessoas de idades muito distintas. A partir de uma pesquisa realizada pelo SESC SP, em que educadores e freqüentadores de diferentes gerações são entrevistados e observados em suas interações, José Ferrigno analisa as trocas de afeto e de conhecimentos específicos que uma geração repassa à outra. A obra reafirma a importância do cultivo e da transmissão da memória. Editora Vozes.





Serviço:

SESCSP / Editora Vozes

2003, 233 p.

ISBN 853262941-5

formato: 16 cm x 23 cm

Distribuição: em todas as unidades SESC SP (capital e interior)

Vendas também pelo portal www.sescsp.org.br/loja

Preço sugerido de capa: R$ 40,00




O Século da Terceira Idade

Edição comemorativa dos 40 anos de Trabalho Social com Idosos, realizado pelo SESC SP. O século da terceira idade descreve a trajetória desse programa pioneiro no desenvolvimento da gerontologia social no Brasil. Lançado em 1963, o trabalho expandiu-se e desenvolveu-se junto com as necessidades de seu público, evidenciando a participação do SESC no movimento de profunda revisão do papel social e da imagem do idoso. Com grande quantidade de fotos, que ilustram as inúmeras atividades promovidas pelo SESC para a terceira idade (grupos de convivência, aulas de esportes, Escolas Abertas da Terceira Idade, coral, revista A Terceira Idade, organização de passeios e viagens), o livro documenta o sucesso do projeto ao longo desses 40 anos e aponta perspectivas para o futuro.

Serviço:

SESC SP

2003, 212 p.

formato: 26.30 cm x 26 cm

Distribuição: em todas as unidades SESC SP (capital e interior)

Vendas também pelo portal www.sescsp.org.br/loja

Preço sugerido de capa: R$ 45,00











Velhices Reflexões Contemporâneas - Vários autores

Publicação comemorativa dos 60 anos do SESC e da PUC SP, em homenagem ao trabalho desenvolvido pelas duas instituições em favor do idoso brasileiro e a contribuição de ambas as entidades nos estudos da gerontologia. A coletânea, através de artigos de especialistas do SESC SP, da PUC SP e de outras instituições, aborda temas atuais e importantes sobre o lugar do idoso na sociedade contemporânea. Discute a identidade social do idoso e do jovem, as imagens do idoso na mídia, as ações da sociedade civil e do poder público no amparo à velhice fragilizada, e a relação do idoso com seu corpo. Faz também uma reflexão sobre a morte e as questões éticas envolvidas na conduta direcionada a pacientes terminais. As ações do SESC SP e da PUC SP são reconstituídas em conversa descontraída cuja transcrição encerra o volume entre membros das duas entidades, em uma oficina de memória.

Serviço:

SESCSP / PUC-SP

2006, 152 p.

ISBN 85-9811231-3

formato: 17 cm x 23.80 cm

Distribuição: em todas as unidades SESC SP (capital e interior)

Vendas também pelo portal www.sescsp.org.br/loja

Preço sugerido de capa: R$ 30,00




Sobre Edições SESC SP



As publicações das Edições SESC SP são pensadas e construídas em um longo processo de maturação e discussão, justamente por estarem envolvidas em projetos de largo alcance. Destacam-se aí as parcerias com outras instituições, tais como o governo, editoras e ONGs, ampliando os laços entre suas ações e a comunidade. Muitos desses trabalhos articulam-se em diversas mídias, para atender aos anseios de um público interessado em informações plurais que podem vir de diferentes recursos multimídia, integrando texto, áudio e vídeo. Seu projeto gráfico, muitas vezes arrojado e experimental, constitui-se também em um campo para a criação. Com o intuito de expandir seu campo de ação, atendendo a um público cada vez maior, o SESC SP programou o lançamento de cerca de 20 novos títulos para o ano de 2008, complementando o catálogo construído nos últimos anos e firmando-se cada vez mais como uma importante referência em publicações culturais no país



Informações para imprensa: Edições SESC SP



Lítera – Construindo Diálogos / www.litera.com.br

Unidade Relacionamento com Imprensa

Maria Luiza Paiva: luiza@litera.com.br

Atendimento: Malu Castelo Branco / malu@litera.com.br

Telefone: 55 11 3673 7270

Setembro/2008