a a a
>> voltar
 
 

COLEÇÃO DA DESIGNER DE JÓIAS ANA LEPSCH REVISITA OS GLAMOUROSOS ANOS 20 DO ESTILO ART DÉCO

COLEÇÃO DA DESIGNER DE JÓIAS ANA LEPSCH REVISITA OS GLAMOUROSOS ANOS 20 DO ESTILO ART DÉCO

Peças homenageiam os ícones da era do jazz : o escritores Zelda Fitzgerald e F. Scott Fitzgerald, autor do livro “o Grande Gatsby - que ganha remake na telas do cinema neste ano

A designer de jóias Ana Lepsch inspirou-se nas inúmeras referências que trazem o estilo Art Déco da década de 20 para a atualidade. A era das melindrosas e suas características de estilo mais marcantes está de volta, de forma atualizada e sintonizada com os nossos dias. E as jóias sempre tiveram um papel preponderante nesta composição.





Legenda: 1. Anel Zelda (ouro branco e rosa 18 k e rubi 25 quilates, R$ 5.200,00); 2.Brinco Scottie (ouro branco, rosa e rubis , R$ 4.641,00) 3. Brinco Zelda (ouro branco e rosa 18 k e rubi 72,5 quilates, R$ 9.920,00).

Na moda, o desfile da Gucci despertou o tema. O cinema trouxe de volta a magia dos anos 20 nos filmes “Meia Noite em Paris”, de Woody Allen, e “O Artista”, de Michel Hazanavicius, com seus figurinos riquíssimos da época. Agora, o remake de O Grande Gatsby - do filme de 1974, ganhador de dois Oscars (um deles de melhor figurino) dirigido por Francis Ford Coppola e estrelado por Mia Farrow e Robert Redford - confirma que o glamour daqueles tempos está mesmo de volta. O novo filme, adaptação do romance do escritor americano F. Scott Fitzgerald, é uma produção de luxo: grandes grifes colaboraram diretamente para a realização da trama, passada na Nova York na década de 1920, exatamente no período festivo pós 1ª Guerra Mundial, em que os Estados Unidos viveram um tempo de euforia. “São anos conhecidos por ‘anos loucos’, uma época posterior aos terrores da 1a Guerra e anterior à grande crise econômica que teve início em 1929. As pessoas queriam viver o aqui e agora, como se estivessem prevendo o que viria pela frente nas duas décadas seguintes”, comenta Ana Lepsch.



A coleção da designer foi inteiramente inspirada no livro que deu origem ao filme, especialmente no trecho:

(...) Nas noites de verão, a música irradiava da casa de meu vizinho. Em seus jardins azulados, homens e mulheres iam e vinham feito mariposas entre sussurros, champagne e estrelas. Nas tardes de maré alta, eu observava os convivas mergulhando do alto de sua balsa, ou tomando sol nas areias quentes de sua praia particular enquanto dois barcos a motor cortavam as águas do estreito, puxando esquiadores aquáticos por entre cataratas de espuma."(...) "O Grande Gatsby" - F. Scott Fitzgerald

Sobre Ana Lepsch

Ana Lepsch é designer de jóias. Produz peças que valorizam a simplicidade, o humor, o traço leve e delicado. Ana inspira-se, principalmente, nas perfeições e imperfeições da natureza para destacar e complementar a beleza de quem está usando uma jóia.

Nascida em Itu (SP), de ascendência bem brasileira, paulista, italiana e alemã, Ana Lepsch é formada pela escola de Design de Jóias e Acessórios Istituto Europeo di Design de São Paulo - instituição italiana referência mundial na área; anteriormente, formou-se em Direito pela Universidade de São Paulo, atuando na carreira jurídica por vários anos.

Seu estilo mistura o clássico com o moderno, o local com o universal, sempre com um pouco de humor e muita qualidade na execução e nos materiais utilizados - com a possibilidade de customização das peças.

Tem preferência pela utilização de materiais naturais, como a enorme variedade de pedras brasileiras, que ampliam as possibilidades criativas. Utiliza também a prata, e todas as tonalidades de ouro – amarelo, branco, rosa, nude e negro. São materiais que, além de permitirem uma ampla expressão artística, proporcionam, do ponto de vista técnico, um acabamento impecável.

Em 2011 teve duas peças escolhidas para participar de uma exposição coletiva de designers brasileiros na Embaixada Brasileira em Berlim. Teve a duração de um mês e foi a segunda exposição mais visitada, só perdendo para a de Oscar Niemeyer. A curadoria foi da gemóloga Mariana Magtaz.

Em maio deste ano, foi selecionada para participar da New York Design Week, dentro do stand brasileiro no evento “Wanted Design”, que reuniu nomes de várias áreas do design brasileiro e mundial. Ainda, em 2012, foi convidada pela curadora Miriam Mirna Korolkovas a participar, em Barcelona, da exposição anual Joya – Contemporary Jewellry Week. Exibiu algumas peças conceituais com mais alguns designers brasileiros. Em seguida, uma parte desta exposição seguiu para Florença para uma exposição na referenciada escola de joalheria contemporânea Alchimia.

Atende pessoalmente cada cliente no seu próprio ateliê, localizado no bairro de Higienópolis, em São Paulo. Outro canal de vendas que amplia o acesso aos clientes do Brasil e do exterior é o site www.analepsch.com. Os pedidos poderão ser feitos, em breve, online.

INFORMAÇÕES À IMPRENSA

Lítera – Construindo Diálogos / www.litera.com.br

Unidade Relacionamento com Imprensa

Maria Luiza Paiva: luiza@litera.com.br

Atendimento: Olivia Acerbi – olivia@litera.com.br

Telefone: 55 11 3673 7270