a a a
>> voltar
 
 

“UM PLANO PARA SALVAR O PLANETA”, NOVA PEÇA DE TEATRO DA TURMA DA MÔNICA, ESTREIA DIA 20 DE AGOSTO

CONVOCAÇÃO DE COLETIVA DE IMPRENSA COM MAURICIO DE SOUSA E MAURO SOUSA



“UM PLANO PARA SALVAR O PLANETA”, NOVA PEÇA DE TEATRO DA TURMA DA MÔNICA, ESTREIA DIA 20 DE AGOSTO







O Entretenimônica, departamento da Mauricio de Sousa Produções responsável por shows e eventos, estreia no dia 20 de agosto o novo espetáculo teatral da Turma da Mônica: “Um Plano para Salvar o Planeta”, somente para imprensa e convidados. A peça terá início às 10h e na sequência, haverá uma coletiva de imprensa com Mauricio de Sousa e Mauro Sousa, responsável pelo evento, às 11h.



“Um Plano para Salvar o Planeta” é uma peça para toda família e mostra de forma esperançosa e divertida as agressões que o nosso planeta sofre diariamente. A estreia para o público será dia 1 de setembro e ficará em cartaz até 22 de outubro, com apresentações todas as quartas e quintas-feiras, em sessões as 10 e às 15 horas.



SERVIÇO – “UM PLANO PARA SALVAR O PLANETA” - Estreia para imprensa e convidados

Data: Sexta-feira, 20 de agosto

Horário: 10 horas

Local: Teatro Santo Agostinho
Endereço: Rua Apeninos, 118 – Vergueiro – SP



COLETIVA DE IMPRENSA COM MAURICIO DE SOUSA E MAURO SOUSA

Data: Sexta-feira, 20 de agosto

Horário: 11 horas

Local: Teatro Santo Agostinho
Endereço: Rua Apeninos, 118 – Vergueiro – SP



ABERTURA PARA O PÚBLICO

Data: 1 de setembro a 22 de outubro

Horário: 10h e 15 h

Local: Teatro Santo Agostinho
Endereço: Rua Apeninos, 118 – Vergueiro – SP

Ingressos: Público espontâneo:

R$60,00 inteira

R$30,00 meia (crianças até 12 anos, estudantes, aposentados, idosos acima de 60anos e professores da rede pública estadual)

Promoção para escolas e grupos:

R$25,00 escolas particulares

R$20,00 escolas públicas







Sobre Mauricio de Sousa





Mauricio de Sousa iniciou sua carreira como ilustrador na região de Mogi das Cruzes, próximo de Santa Isabel, onde nasceu. Aos 19 anos, mudou-se para São Paulo e, durante cinco anos, trabalhou no Jornal Folha da Manhã (atual Folha de S.Paulo) escrevendo reportagens policiais.

Em 1959 criou seu primeiro personagem, o cãozinho Bidu. A partir daí vieram, Cebolinha, Cascão, Mônica, e tantos outros.



Em 1970, lançou a revista Mônica, com tiragem de 200 mil exemplares. Depois de passar pela Editora Abril e Editora Globo, assinou contrato com a multinacional italiana Panini.



O autor já alcançou o extraordinário número de 1 bilhão de revistas publicadas. Mais de 100 empresas nacionais e internacionais são licenciadas para produzir quase 3 mil itens com os personagens de Mauricio de Sousa, suas criações chegam a cerca de 30 países.



Em 2005, lançou o personagem Ronaldinho Gaúcho que em menos de um ano ganhou publicações em mais de 20 países e centenas de produtos infantis lançados na Europa.



Em 2007, num feito inédito, o UNICEF – Fundo das Nações Unidas para Criança e Adolescência – nomeou como embaixadora a personagem Mônica, criação de Mauricio inspirada em sua segunda filha.



Nesta ocasião, Mauricio de Sousa foi nomeado Escritor para Crianças do UNICEF. Sua mais recente criação foi a Turma da Mônica Jovem com os personagens tradicionais crescidos dos 7 para os 15 anos de idade. É o maior sucesso editorial da área nos últimos 30 anos.



Em 2009, Mauricio de Sousa completou 50 anos de carreira.



Para mais informações sobre a Turma da Mônica, visite: http://www.monica.com.br





Principais prêmios, títulos e homenagens



• Prêmio Gran Guinigi, pela revista Mônica, no Congresso Internacional de Lucca, Itália, 1971.



• Troféu Yellow Kid, o “Oscar dos Quadrinhos Mundiais”, no Congresso Internacional de histórias em quadrinhos de Lucca, Itália, 1971.



• Diploma do Ministério da Aeronáutica Membro Honorário da Força Aérea Brasileira, 1991.



• Honrado pelo presidente da República com a medalha dos Direitos Humanos, Brasília, 1998.



• Prêmio de Literatura Infantil da Academia Brasileira de Letras pelo livro A Turma da Mônica, 1999.



• Prêmio Destaque de Comércio Exterior (outorgado pelo Ministério do Desenvolvimento, Indústria e Comércio Exterior do Brasil, como reconhecimento e incentivo ao segmento exportador), Rio de Janeiro, 2002”.



• Medalha e certificado de Campeão de Saúde das Américas da PAHO (Organização Pan-Americana da Saúde), pela valiosa contribuição para as campanhas de promoção da saúde e para a melhoria da qualidade de vida das populações das Américas, Washington, 2002.



• Certificado do ISO – Instituto Solidariedade –, como reconhecimento da Empresa Solidária Mauricio de Sousa Produções pela contribuição junto às organizações comunitárias não-governamentais, São Paulo, 2002.



• Título de Doutor Honoris Causa da Universidade La Roche, de Pittsburgh, pelos serviços prestados ao público infantil, 2001.



• Audiência com Sua Santidade Papa João Paulo II, no Vaticano e Medalha do Vaticano confirmando a sua nomeação como Membro do Conselho Administrativo do Centro Cultural Papa João Paulo II em Washington, DC, 2004.



• Homenagem da Escola de Samba Unidos do Peruche, no carnaval de São Paulo, com o enredo Com Mauricio de Sousa, a Peruche abre alas, abre livros, abre mentes e faz sonhar, 2007.



• Em maio de 2008, Mauricio de Sousa foi condecorado com a Medalha de Vermeil, honraria conferida anualmente pela Academia de Arte, Ciência e Letras da França, entidade criada em 1915 para defender, estimular e promover a arte, cultura, francofonia (adoção do idioma francês) e os criadores e talentos destacados nessas áreas.



• Também em maio de 2008, Mauricio de Sousa é indicado, numa pesquisa realizada pelo Ibope para o Instituto Pró-Livro, como um dos dez escritores mais admirados do Brasil.



• Em 9 de dezembro de 2009, durante a celebração do "Dia Internacional contra a Corrupção", em Brasília, Mauricio de Sousa recebeu do "Escritório das Nações Unidas sobre Drogas e Crime - UNODC" um prêmio por sua contribuição no combate e na prevenção à corrupção. A entrega do prêmio contou a presença do presidente Luiz Inácio Lula da Silva.



• Mauricio de Sousa recebeu em fevereiro de 2010 a Medalha do Mérito do Centenário da Imigração Japonesa, em São Paulo. A homenagem é a mais alta Condecoração que o Governo Federal concede nestes 100 anos, para a comunidade japonesa, por meio dos Ministérios do Turismo, Esporte, Trabalho e Emprego e Ciência e Tecnologia.



•Em março de 2010, no Palácio dos Bandeirantes (SP), Mauricio de Sousa recebeu a Outorga da Ordem do Ipiranga, que objetiva distinguir os cidadãos brasileiros e estrangeiros por seus méritos pessoais e serviços de relevância prestados ao Estado de São Paulo e ao seu povo. A Ordem do Ipiranga foi instituída em 1969 e é a mais elevada honraria do Estado de São Paulo.





Informações para imprensa



Litera – Construindo Diálogos / www.litera.com.br

Unidade Relacionamento com imprensa

Maria Luiza Paiva / luiza@litera.com.br

Atendimento: JAL / jal@litera.com.br

Tel.: 55 11 3673-7270





deseja não receber mais nossos e-mails clique aqui