a a a
>> voltar
 
 

REDE BOM DIA DE JORNAIS LANÇA JORNAL

REDE BOM DIA DE JORNAIS LANÇA JORNAL

NAS REGIÕES DE OSASCO E BARUERI



A Rede BOM DIA de jornais é a maior rede de jornais do País que terá, a partir de outubro deste ano, nove jornais diários, com o lançamento do BOM DIA nas regiões de Osasco e Barueri com circulação nas cidades de Osasco, Carapicuiba, Barueri, Jandira, Itapevi, Santana de Parnaíba. O novo jornal será o primeiro diário a circular de domingo a domingo na região com conteúdo local e cobertura de noticiário nacional e internacional.



A chegada do BOM DIA nestas regiões é resultado da parceria entre o Grupo Metromídia e a Rede Bom Dia de jornais. Com tiragem inicial de 10 mil exemplares, o jornal abordará os principais assuntos das seis cidades da região oeste, além de trazer notícias do Brasil e do mundo. O jornal conta com editoriais específicos, como Política, Economia, Dia a Dia, Esportes, Viva, Opinião, Mural, Bastidores S/A, Bastidores, Está na Mídia, Mundo Bizarro, Novas Vidas, entre outras. Nos finais de semana, traz dois cadernos especiais: Bom Fim de Semana e Bom Domingo.



O BOM DIA, que já circula em Jundiaí, Bauru, Sorocaba, Rio Preto, Fernandópolis, Marília, Catanduva e Grande ABC, segue a mesma apresentação gráfica em todas as localidades. O diferencial está no destaque aos acontecimentos da região em que circula. Um outro diferencial do jornal está na apresentação dos textos, concisos e com informações precisas.



O jornal chega a uma das regiões mais promissoras do estado de São Paulo. Segundo o IBGE, as seis cidades que compõem a região oeste metropolitana somam mais de 2 milhões de habitantes e reúne municípios com destaque no cenário estadual e nacional, como Osasco, Barueri e Santana de Parnaíba, que, além de PIB elevado, estão entre as mais desenvolvidas do país em termos de qualidade de vida, geração de renda e criação de empregos.



Também é preciso ressaltar que as cidades da região viraram vitrines para a implantação de novos lançamentos, tanto residenciais quanto empresariais, atraídos pela localização privilegiada e proximidade com a rodovia Castello Branco, acesso à capital e ao trecho oeste do Rodoanel Mário Covas. Para se ter uma ideia, a região recebeu, entre os anos de 2007 e 2008, de U$ 2 bilhões em investimentos, entre serviços públicos e a iniciativa privada. Os números fazem parte da Pesquisa de Investimentos Anunciados no Estado de São Paulo (Piesp).



A Rede BOM DIA - consolidando seu projeto de expansão que prevê para 23 o número de jornais locais até o final de 2010 -, é composta hoje por 8 jornais: BOM DIA Jundiaí, BOM DIA Bauru, BOM DIA Sorocaba, BOM DIA Rio Preto (próprias), BOM DIA Fernandópolis, BOM DIA Marília, BOM DIA Catanduva e BOM DIA Grande ABCD (licenciados), e agora – edição de número 9 – com o lançamento do BOM DIA nas regiões de Osasco e Barueri, a rede passa a circular numa área com mais de 8 milhões de habitantes.





Sobre REDE de Jornais BOM DIA:

A Rede Bom Dia de jornais, criada há 4 anos, circula diariamente em Bauru, Catanduva, Jundiaí, São José do Rio Preto, Fernandópolis, Sorocaba, Marília e na região do Grande ABCD. O periódico - que desde abril de 2007 é auditado pelo IVC - Instituto de Verificação de Circulação – apresentou um crescimento da circulação paga no 1º semestre/09 de 24% em relação ao primeiro semestre/08. A empresa é a caçula do grupo Traffic, proprietário da maior agência de marketing esportivo do país e da TV TEM, emissora afiliada à Rede Globo no interior paulista.

A REDE BOM DIA de jornais nasceu com uma proposta inovadora para o jornalismo brasileiro. Dentro do conceito pioneiro de rede, ou seja, vários jornais com o mesmo nome, o mesmo padrão gráfico e os mesmos princípios editoriais trazem diariamente ao leitor um jornalismo moderno, independente e completo. Uma central de produção de conteúdos fornece as matérias e colunas comuns a todos os jornais. Em cada praça uma pequena redação produz o conteúdo local.

O modelo desenvolvido pelo BOM DIA pode ser implantado em qualquer cidade de médio e grande porte com ótimas chances de sucesso e baixo investimento. Entre os benefícios para o licenciado demonstrados pelo projeto estão o aumento da circulação, pela qualidade do produto e a possibilidade de se fazer um agressivo marketing de rede. Quanto às operações, o licenciado passa a ter a opção de comprar papel, serviços gráficos e licenciamento de softwares dentro dos mesmos contratos da REDE BOM DIA.

Informações para imprensa:

Lítera – Construindo Diálogos / www.litera.com.br

Unidade Relacionamento com Imprensa

Maria Luiza Paiva: luiza@litera.com.br;

Telefone: 55 11 3673 7270



Setembro/2009


A Rede BOM DIA de jornais é a maior rede de jornais do País que terá, a partir de outubro deste ano, nove jornais diários, com o lançamento do BOM DIA nas regiões de Osasco e Barueri com circulação nas cidades de Osasco, Carapicuiba, Barueri, Jandira, Itapevi, Santana de Parnaíba. O novo jornal será o primeiro diário a circular de domingo a domingo na região com conteúdo local e cobertura de noticiário nacional e internacional.



A chegada do BOM DIA nestas regiões é resultado da parceria entre o Grupo Metromídia e a Rede Bom Dia de jornais. Com tiragem inicial de 10 mil exemplares, o jornal abordará os principais assuntos das seis cidades da região oeste, além de trazer notícias do Brasil e do mundo. O jornal conta com editoriais específicos, como Política, Economia, Dia a Dia, Esportes, Viva, Opinião, Mural, Bastidores S/A, Bastidores, Está na Mídia, Mundo Bizarro, Novas Vidas, entre outras. Nos finais de semana, traz dois cadernos especiais: Bom Fim de Semana e Bom Domingo.



O BOM DIA, que já circula em Jundiaí, Bauru, Sorocaba, Rio Preto, Fernandópolis, Marília, Catanduva e Grande ABC, segue a mesma apresentação gráfica em todas as localidades. O diferencial está no destaque aos acontecimentos da região em que circula. Um outro diferencial do jornal está na apresentação dos textos, concisos e com informações precisas.



O jornal chega a uma das regiões mais promissoras do estado de São Paulo. Segundo o IBGE, as seis cidades que compõem a região oeste metropolitana somam mais de 2 milhões de habitantes e reúne municípios com destaque no cenário estadual e nacional, como Osasco, Barueri e Santana de Parnaíba, que, além de PIB elevado, estão entre as mais desenvolvidas do país em termos de qualidade de vida, geração de renda e criação de empregos.



Também é preciso ressaltar que as cidades da região viraram vitrines para a implantação de novos lançamentos, tanto residenciais quanto empresariais, atraídos pela localização privilegiada e proximidade com a rodovia Castello Branco, acesso à capital e ao trecho oeste do Rodoanel Mário Covas. Para se ter uma ideia, a região recebeu, entre os anos de 2007 e 2008, de U$ 2 bilhões em investimentos, entre serviços públicos e a iniciativa privada. Os números fazem parte da Pesquisa de Investimentos Anunciados no Estado de São Paulo (Piesp).



A Rede BOM DIA - consolidando seu projeto de expansão que prevê para 23 o número de jornais locais até o final de 2010 -, é composta hoje por 8 jornais: BOM DIA Jundiaí, BOM DIA Bauru, BOM DIA Sorocaba, BOM DIA Rio Preto (próprias), BOM DIA Fernandópolis, BOM DIA Marília, BOM DIA Catanduva e BOM DIA Grande ABCD (licenciados), e agora – edição de número 9 – com o lançamento do BOM DIA nas regiões de Osasco e Barueri, a rede passa a circular numa área com mais de 8 milhões de habitantes.





Sobre REDE de Jornais BOM DIA:

A Rede Bom Dia de jornais, criada há 4 anos, circula diariamente em Bauru, Catanduva, Jundiaí, São José do Rio Preto, Fernandópolis, Sorocaba, Marília e na região do Grande ABCD. O periódico - que desde abril de 2007 é auditado pelo IVC - Instituto de Verificação de Circulação – apresentou um crescimento da circulação paga no 1º semestre/09 de 24% em relação ao primeiro semestre/08. A empresa é a caçula do grupo Traffic, proprietário da maior agência de marketing esportivo do país e da TV TEM, emissora afiliada à Rede Globo no interior paulista.

A REDE BOM DIA de jornais nasceu com uma proposta inovadora para o jornalismo brasileiro. Dentro do conceito pioneiro de rede, ou seja, vários jornais com o mesmo nome, o mesmo padrão gráfico e os mesmos princípios editoriais trazem diariamente ao leitor um jornalismo moderno, independente e completo. Uma central de produção de conteúdos fornece as matérias e colunas comuns a todos os jornais. Em cada praça uma pequena redação produz o conteúdo local.

O modelo desenvolvido pelo BOM DIA pode ser implantado em qualquer cidade de médio e grande porte com ótimas chances de sucesso e baixo investimento. Entre os benefícios para o licenciado demonstrados pelo projeto estão o aumento da circulação, pela qualidade do produto e a possibilidade de se fazer um agressivo marketing de rede. Quanto às operações, o licenciado passa a ter a opção de comprar papel, serviços gráficos e licenciamento de softwares dentro dos mesmos contratos da REDE BOM DIA.

Informações para imprensa:

Lítera – Construindo Diálogos / www.litera.com.br

Unidade Relacionamento com Imprensa

Maria Luiza Paiva: luiza@litera.com.br;

Telefone: 55 11 3673 7270



Setembro/2009