a a a
>> voltar
 
 

ARTISTA PLÁSTICA BRASILEIRA FALA SOBRE ARTE NA INDÚSTRIA DE CERÂMICA DA CHINA

ARTISTA PLÁSTICA BRASILEIRA FALA SOBRE ARTE NA INDÚSTRIA DE CERÂMICA

E RELATA SUA EXPERIÊNCIA NA CHINA



Norma Grinberg, artista plástica reconhecida internacionalmente, fará a palestra Aproximação entre arte e indústria na cerâmica: uma experiência brasileira na China, durante o 53º Congresso Brasileiro de Cerâmica, dia 8 de junho, que acontece no Guarujá, SP



A artista plástica Norma Grinberg, que utiliza a cerâmica no seu trabalho desde a década de 70, falará durante o Congresso sobre sua experiência junto à indústria na China, país que é referência milenar na arte cerâmica. Norma, por reconhecimento de seu consistente trabalho, foi a única brasileira convidada a participar e expor, em 2008, no FLICAM – Fule International Ceramic Art Museums – complexo museológico que reúne trabalhos de ceramistas do mundo todo, em Fuping–Xian, na China. Na ocasião, na cidade chinesa de Xian, importantes artistas internacionais participaram do encontro bienal da International Academy of Ceramics (IAC), que tem sede em Genebra (Suíça), para o fomento e intercâmbio na área.









A artista na fábrica chinesa





Segundo Norma Grinberg, o objetivo do programa desenvolvido pelo FLICAM é a troca de experiências entre ceramistas de diversos países. Os artistas são convidados a hospedar-se na Vila de Arte Cerâmica de Fuping, uma área de mil acres que compreende uma moderna fábrica de cerâmica e telhas, um hotel três estrelas e o complexo museológico, onde irão criar obras com os materiais da fábrica. “Em meu trabalho, desenvolvi uma instalação inspirada na rica fauna da região centro-oeste do Brasil, a que chamei de Brazilian Pantanal. É uma série de bichos criados a partir da produção da própria fábrica, como telhas e fragmentos”, comenta Norma.







Brazilian Pantanal, Fuping-Xian, CHINA-2008

A artista pretende destacar, em sua apresentação no Brasil, a relevância do envolvimento do capital privado no apoio a projetos artísticos – como o do complexo de museus o qual ela própria qualifica como “projeto ambicioso” - que contemplam um espaço de uma fábrica de cerâmica para a produção das obras de arte. “Considero a ideia inteligente, ousada e agressiva e já tem um retorno fantástico – um grande número de pessoas entre adultos e grupos escolares de jovens e crianças visitam diariamente o complexo”, comenta a artista plástica.

Norma deve comentar também o processo produtivo inusitado. Os equipamentos utilizados na fábrica são considerados tecnologicamente simples – uma extrusora, um forno túnel a óleo diesel, alguns fornos a gás, tornos e um pequeno laboratório. “A produção de telhas, tijolos e pisos é feita em escala monumental e a fábrica, repleta de funcionários, tem sua produção basicamente manual”, observa Norma.



Sobre Norma Grinberg:



A artista plástica e docente da Escola de Comunicação e Arte, ECA/USP dedica-se a cerâmica desde a década de 70. Tem trabalhos expostos em vários países. Suas esculturas, premiadas no País e no exterior, ressaltam contemporaneidade e tem como fonte de inspiração o Concretismo, a Bauhaus e o movimento Minimalista. É reconhecida por suas instalações. Os materiais usados em seu trabalho são argila, argamassa armada, ferro, alumínio, areia, acrílico, plásticos e outros. Porém, é com a cerâmica que a artista cria a maior parte de seus trabalhos, buscando resgatar as potencialidades estéticas e artísticas, transgredindo os limites do material. Norma combina arte e técnica para criar instalações, construir ora esculturas monumentais, ora pequenas formas de vida em ambientes internos. Vemos isso, respectivamente, na instalação Humanóides, no monumento Lugar com Arco, nos jardins da ECA-USP, e nos Cururus expostos no MASP. Conheça mais sobre a artista e suas obras no site www.espaconormagrinberg.com.br





Sobre o 53º Congresso Brasileiro de Cerâmica:



De 07 a 10 de junho de 2009, no Casa Grande Hotel, Guarujá,SP, profissionais do setor cerâmico, estudantes, professores e pesquisadores estarão reunidos no 53º CONGRESSO BRASILEIRO DE CERÂMICA, no qual, através de apresentações de Trabalhos Técnicos, serão discutidos os últimos avanços e acontecimentos do setor. Também serão realizados Painéis e Palestras abordando de forma abrangente ou específica aspectos relacionados ao desenvolvimento nacional e internacional dos materiais cerâmicos. Na programação ainda estão previstos um Seminário de Cerâmica Artística, dois Mini-Cursos e um Ateliê de Cerâmica Artística.

Serão concedidos Prêmios aos melhores Trabalhos Técnico-Cientificos e à melhor Ceramografia. Paralelamente ao Congresso, ocorrerá uma feira onde as empresas e instituições de ensino e pesquisa têm a oportunidade de divulgar seus produtos e serviços.

Mais informações: http://www.metallum.com.br/53cbc/





Informações para imprensa NORMA GRINBERG



Lítera – Construindo Diálogos / www.litera.com.br

Unidade Relacionamento com Imprensa

Maria Luiza Paiva / luiza@litera.com.br

Atendimento: Olivia Acerbi /olivia@litera.com.br

Telefone: (55 11) 3673-7270



Maria Luiza Paiva
(55 11) 3673 7270
www.litera.com.br
Rua Tanabi, 287 casa 2
Perdizes São Paulo - SP
05002-020